Por Favor aguarde...
 
   Lembrar dados
 
   Esqueci-me da password
 
 
 

Passagem de ano: Portugal ou estrangeiro?

Ver Resultados

Bazaruto - Lua de mel em Moçambique

Bazaruto - Lua de mel em Moçambique

Bazaruto, a maior ilha do arquipélago moçambicano com o mesmo nome, é a solução ideal para quem gosta de praia e natureza. Observar avers exóticas ou crocodilos para os destemidos são acividades ao alcance dos viajantes. E porque a lua de mel se quer romântica, nada melhor que um pôr do sol que começa no mar e termina nas dunas, colocando o ambiebte perfeito para aproveitar a companhia.


Também o clima morno convida a nadar com os peixes, tartarugas e golfinhos em pleno Índico, neste arquipélago que é ainda composto pelas ilhas de Magaruque, Santa Carolina e Benguerra.


Com apenas seis centenas de habitantes, Bazaruto é espaço protegido por váruas organizações mundiais de protecção da natureza, estando já classificada como Parque Nacional.


A ilha mantém quase inalterável a varieade de fauna e flora, proporcionando a quem lá passa um contacto privilegiado com a natureza em estado quase selvagem. Isto é resultado da existência de apenas dois locais onde pode ficar hospedado: o Indigo Bay e o Bazaruto Lodge.


O Indigo Bay é constituído por perto de quarenta quartos, metade deles em bungalows debruçados sobre o ìndico e as areias brancas da praia, dispersos por um relvado em pequenos aglomerados. O alojamento segue uma mentalidade ecológica, não dispensando porém, o luxo e a sofisticação, estando todos os quartos equipados com ar condicionado, minibar, telefone, TV cabo, cofres e uma varanda com vista fabulosa para o pôr do sol inesquecível.

O Bazaruto Lodge por sua vez, coloca de lado a TV, telefone e outros luxos para manter a harmonia com a natureza e apostar no conforto dos recém casados e outros viajantes que escolhem este alojamento. Situado sobre as areias da praia, também o Lodge oferece uma vista privilegiada sobre o mar.


«Na hora de adormecer o doce desmaio do Índico sobre a areia e, pela manhã, o chilrear da passarada, escrupulosa na sua função de despertador matinal» são com certeza dois pontos insispensáveis na lua de mel perfeita.


  • Lua de mel em África

    Foi à procura dos mistérios de África que este casal partiu. Da selva à savana, nada lhes escapou, numa lua de mel que teve o romantismo do pôr-do-sol africano e a aventura dos lagos de crocodilos. A fauna característica e as paisagens

  • Lua de mel na Tailândia

    A Tailândia é sem dúvida um local bem versátil, capaz de agradar a muita gente. Oferece as paisagens de montanha belíssimas do norte, em contraste com as praias paradisíacas do sul. A experiência de contactar com uma cultura asiárica

  • Mahé, Praslin e La Digue - as Seychelles para...

    As areias brancas e a transparência do Indico fazem das praias deste «Jardim do Éden», um autêntico pedaço de paraíso. Com mais de uma centena de ilhas , cada uma com algo diferente para oferecer, cerca de 50 encontram-se desabitadas. Situado a

  • Lua de mel iluminada em Paris

    Perde-se a conta aos filmes que retratam a cidade-luz como uma das capitais mais românticas do mundo e propícias a escapedelas de amantes. Bem no centro da Europa, Paris é um dos mais bonitos palcos para uma lua de mel inesquecível. Com uma

  • Lua de Mel exótica na Grécia - Santorini

    Apesar do passado trágico de erupções vulcânicas e sismos, Santorini deve a estes desastes naturais toda a sua beleza. Cada vez mais popular como destino turístico, à semelhança do resto do teritório grego, esta zona mantém ainda inexploradps

  • Lua de Mel das arabias: Marrakech

    Fundada em 1070, Marrakech é uma das cidades mais emblemáticas de Marrocos e com mais tradição turística. Rica em exotismo, ruas em forma de labirinto e palácios centenários, esta cidade é a escolha ideal para aqueles que querem fugir à rotina e descobrir uma cultura diferente. 

  • Lua de mel na Índia – O Paraíso em Goa

    Goa, cidade mágica caracterizada pela atmosfera quente com mil aromas no ar. Com cenários inesquecíveis, como os templos hindus ou as igrejas do século XVI.


 
Votar

 

 
comments powered by Disqus